Críquete: Rafael Libman explica como se joga

Rafael Libman

O críquete é um esporte pouco conhecido no Brasil, mas que é sinônimo de muita diversão para quem gosta. Assim como Rafael Libman, que adora conhecer esportes, o críquete é uma modalidade muito interessante. Mas se você não tem ideia de como jogar, aprenda hoje, de uma vez por todas, como funciona esse esporte.

Uma regra básica desse esporte é: o melhor ataque é a defesa. Portanto, vence o jogo quem se defende melhor das tacadas.

Rafael Libman explica que o campo para se jogar críquete pode ser oval ou circular, podendo ter até 150 metros de diâmetro, ou seja é maior do que um gramado de futebol tem 120 metros de comprimento.

As principais ações do jogo rolam no pitch faixa central, com cerca de 20 metros de comprimento por 3,6 metros de largura, contando ainda com três estacas de madeira que são fincadas nas extremidades.

Outra característica mencionada por Rafael Libman é que cada arremessador tem direito a seis arremessos, com o intuito de derrubar as estacas do adversário e eliminar um rebatedor.

Assim como o futebol, o críquete tem 2 tempos e 11 jogadores em cada time. No 1º tempo, um time tem um arremessador, um receptor e nove defensores pelo campo, sendo necessário impedir que o adversário pontue, e no segundo tempo as funções são trocadas.

Para Rafael Libman, jogar críquete não é difícil, mas é essencial prestar atenção e se dedicar ao esporte para que resultados positivos e vitórias sejam alcançadas.

Artigo anteriorMenina de 10 anos morre atropelada por caminhão em Itapecerica da Serra
Próximo artigoEstado de SP encerra janeiro com mais de 6 mil novas mortes por Covid-19; número é 37% maior que dezembro

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui