SP confirma três casos de coronavírus com a variante do Amazonas

Casos da nova cepa detectada no Amazonas encontrados em São Paulo são importados, porque ocorreram em pessoas com histórico de viagem ou residência em Manaus, segundo a pasta.

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo confirmou nesta terça-feira (26) os três primeiros casos no estado da nova variante do coronavírus identificada inicialmente em Manaus, no Amazonas. Segundo cientistas, esta nova variante pode ter maior potencial de transmissão.

A confirmação foi feita pelo Laboratório Estratégico do Instituto Adolfo Lutz, que é vinculado à pasta estadual. É a primeira vez que a variante do Amazonas foi confirmada em outro estado do Brasil.

A presença da nova variante foi detectada em amostras de três pacientes que tiveram Covid-19 e que passaram por atendimento em serviços da rede pública de saúde em São Paulo, com histórico de viagem ou residência em Manaus.

Segundo a secretaria, os vírus sequenciados são da linhagem P.1 e possuem mutações em posições do gene que codifica a proteína spike. Esta proteína é responsável pela maneira como o vírus se liga às células do corpo humano.

Apesar dos indícios de que mudanças na proteína spike podem facilitar a propagação do coronavírus, ainda não há comprovação científica de que a variante de Manaus seja mais transmissível em comparação com a versão do vírus que predomina no país.

Fonte: https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/2021/01/26/sp-confirma-casos-de-coronavirus-com-a-variante-do-amazonas.ghtml

Artigo anteriorChina passa a usar testes retais para detectar Covid-19
Próximo artigoApós sete anos de queda, homicídios sobem no estado de SP em 2020

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui